Liga Mur

… uma cambada de tolos …

Férias, essas sacanas que nos fogem a correr

Aproveitei estas férias para colocar a minha leitura em dia. Insaciável consumidor de textos escritos por autores de renome, não perdi tempo em comprar quase todas a edições de verão de “A Bola”, “Record”, “O Jogo”, “Maria”, “VIP”, “TV 7 dias”, “Nova Gente”, “Lux” e muitas outras publicações, de que agora me falha a memória.

Vou no entanto resumir – para aqueles que também gostam de cultura – aquilo que achei mais relevante. Começo pela trági-comédia grega ou negra, do “conguito” e da “desgraçadinha”, numa sucessão temporal que me deixou triste:

Luciana Abreu apresenta Lyannii Viiktória na TVI
Yannick Djaló e Luciana Abreu estão separados
Luciana Abreu desmente separação: «Eu e Djaló já nos fartamos de rir»
Yannick Djaló confirma separação de Luciana Abreu
Yannick Djaló acusa Luciana Abreu de nunca ter aceite o seu filho mais velho
Luciana Abreu confirma processo de divórcio
Separação de Djaló e Luciana Abreu já tem música
Luciana Abreu quer reconciliação com Djaló, diz Luís Jardim
Luciana Abreu avança com divórcio
Casa de Yannick Djaló foi assaltada

Outro romance, este mais do tipo policial, foi a tentativa de “estrafegação” do Luisão ao senhor árbitro alemão, que parece que esteve morto por um minuto e meio:

Por último e por agora, acabei de ler que o Nelson Oliveira foi apanhado com um “grãozinho na asa”, 0,8g nas escala de “richter”. Mas mais grave que isto, é saber que o rapaz anda metido na depilação das sobrancelhas:

E por agora é tudo, um bem haja deste vosso intelectual amigo

Gaudêncio Nes Pereira

Anúncios

Agosto 15, 2012 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , , | Deixe um comentário

Uma mensagem da nossa querida amiga

Eis uma mensagem da nossa querida amiga Luciana Abreu, para nós que somos fãs incondicionais do seu talento e da arte do seu marido, o inimitável Yannick Djaló, o Eusébio dos tempos modernos.

«Em primeiro lugar, quero agradecer-vos os presentes de aniversário maravilhosos que recebi da vossa parte. Fiquei muito emocionada e mais uma vez babada e orgulhosa por ter fãs/amigos como vocês.

Escrevo hoje este Diário Semanal, para que vocês saibam em primeiríssima mão da grande novidade que tenho vindo a anunciar há algum tempo no Diário Semanal.

Tchan, tchan, tchan, tchan, …  😉

Em Agosto, estão todos convidados a visitar-me, no nosso primeiro negócio. Eu e o Yannick, vamos abrir uma loja de moda, no centro do Montijo, com multi-marcas: Imperial, Please, Sexy Woman, AB.Joy, Andrewmackenzie, Justr, Takeshy Kurosawa, Gaudi, Vking, Katsuya , em breve a LUDJAY, e pronto a vestir. A loja é bastante imponente, cheia de glamour e classe, mas não se assustem, porque eu penso sempre em toda a gente, o vestuário terá vários tipos de preços para que todos possam comprar.
A loja vai-se chamar LUDJAY, que é uma fusão entre o amor, a cumplicidade e o respeito. É o meu nome e o do Yannick, bem juntinhos um ao outro como tem e deve de ser ;-). Em princípio, ainda este ano chegará à loja a nossa própria marca com roupa desenhada por nós, a marca LUDJAY.
Terei uma grande equipa de trabalho, a começar na minha querida mãe, e irmã Luisinha e um grande vendedor, que em breve vos apresentarei.
A loja é situada perto do Cachaça, uma grande discoteca no Montijo e tem um grande parque de estacionamento, tudo a pensar no vosso bem-estar.
Em breve, dar-vos-ei conhecimento do dia da inauguração, para podermos estar todos presentes, que em princípio será dia 1 de Agosto.

A segunda grande novidade, é que vou gravar finalmente o meu trabalho discográfico, em Paris. Em breve, vou passar lá dois dias, apenas para se decidir qual o estilo de música a que me irei dedicar. Vou fazer também um dueto, com um grande cantor conhecido mundialmente.

E a terceira e última novidade, para já, porque vocês sabem que eu gosto de tudo a seu tempo, é que rescindi todos os meus contratos com a SIC e estou livre para continuar a minha carreira noutro canal televisivo. Terei a SIC sempre no meu coração e ser-lhe-ei sempre grata por ter crescido lá, mas não me posso continuar a privar de aceitar trabalhos que me aparecem, como filmes, séries… e em outros canais!

Estamos muito felizes e mais feliz fico, por poder partilhar esta felicidade com vocês.

Adoro-vos do fundo do meu coração e nunca se esqueçam que vos sou grata por todo o vosso carinho e apoio.

Fiquem com DEUS.

Agradecimentos:
Quero deixar aqui, um beijo gigante e um obrigada do tamanho do mundo para uma grande amiga, chamada Paula Brito, porque foi com a ajuda dela que este projecto se tornou realidade. É uma mulher de muito sucesso, uma grande empresária e acima de tudo uma excelente amiga.
E para a minha mais que tudo sénior, a minha querida mãe, só tenho a dizer:  Que grande empresária  . Foram as duas ajudas preciosas, exclusivas e imprescindíveis que tivemos para conseguir erguer as primeiras muralhas do nosso castelo. Sem elas nada feito .
Obrigada por tudo.

P.S. Não percam amanhã, Domingo, o programa Lado B, do Bruno Nogueira, onde vou falar sobre estas novidades em directo.

Um beijinho do tamanho do mundo da vossa eterna amiga,
Luciana Abreu»

Retirado do seu “site“, obrigado Lucy.

Gaudêncio Nes Pereira

 

Março 10, 2011 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , , | Deixe um comentário

Liga M de Mur – 2ª parte

«Depois de fechadas as equipas para a segunda parte da temporada da Liga M de Mur, vai começar o “baile”. À frente e de forma suspeita, porque não diz a ninguém quem são os seus jogadores, está o secreto “Brinca N’Areia“. Diz-se à boca cheia que conseguiu ter na mesma equipa o Liedson, o Cardozo, o Hulk, o Falcão e o Hulk (duas vezes???). Logo de imediato a uma distância de alguns pontos está “o alcagoitas” do “Traumático FC“. Ele é mapas, tabelas, estudos estatísticos, uma panóplia de merdinhas que só servem para o ajudar a pagar mais umas semanas de multas. Em terceiro lugar está o maçarico do “AmealBriosa” com uma sorte de principiante e uma apurada técnica em escolher vedetas de outras equipas. A liga deixaria de o ser se não houvesse um encarniçado encarnado que só não pode ter vinte e três jogadores “burmelhos” na equipa dos “nemazuisnemverdes” porque o Record não deixa. Eu acho que ele ainda tem um retrato do David Luiz (com z) colado à “pantalha”. “Beira_Avante“, é a mais inocente, serena e ausente das equipas, sem grande alarido vai fazendo o seu campeonato irritando severamente os adversários que o perseguem como é o caso dos “Simpsons“. À primeira observação os leitores hão-de pensar que se trata de um blog para crianças mas não, existe efectivamente uma equipa com este nome e gerida por um gandulo com idade para ter juízo. Quando não perde jogadores até tem resultados engraçados, sem serem extraordinários. Por falar em infantil, no sétimo lugar com o nariz à tona da água temos o ocupado “Alcoice” que neste momento está mais dedicado às camadas jovens, literalmente. O “Briosa Forever” sempre quis ser uma grande equipa mas para isso é preciso ter algum conhecimento da arte, a converseta também ajuda mas não é tudo. Cabe agora um olhar atento para o nono lugar do imprescindível “Alarriba” que está contra todos e contra os que estão contra todos. Era seu desejo ter uma equipa de apenas quatro jogadores e que fossem todos chamados Hulk. Já basta a confusão dos valores quanto mais nomes. «”alma grande” gentil, que te partiste» é o mais rápido dirigente a mudar equipas. Só hoje, dia do fecho, já mudou cem vezes de jogadores e o mais provável é que ainda esteja a mudar. O décimo primeiro lugar está reservado para a mais azarada das equipas, o “JP2010“. Qualquer que seja o jogador que não é escolhido era o que devia ter sido, e vice-versa. O melhor mesmo é pagar todas as semanas que o dinheiro faz falta para a patuscada. O “único” que pode gabar-se de ser o “único” que pagou todas as semanas é o simplesmente “único” “Garras_2010“. Eu acho que escolheu a equipa a pensar num jogo de “badminton” mas temos a certeza que virá com virulência para esta segunda volta. O lanterna vermelhaSCRAlves” tem estado lesionado e infelizmente não tem podido participar nesta divertida guerra. Esperamos que regresse rapidamente e em força. »

Uma reportagem de Gaudêncio Nes Pereira

Fevereiro 4, 2011 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , | Deixe um comentário

Taça “não me lembra o nome”

Já passavam 25 minutos quando 25 minutos antes começava a final da taça que agora não “me lembra o nome” (se é que tem nome), entre uns gajos que equipavam de cores várias, tipo “futebol parade”, e outros todos de brancos como pombas, ou rolas, ou cisnes ou patos marrecos pintados de branco.
Das quase duas dezenas de intervenientes, porque jogadores não havia um único, resplandecia com cintilante preponderância a brilhante imagem do não menos ilustre dirigente e treinador, o incomensurável Vitoriano Libério. De voz colocada e forte, orientava com vigor os tresmalhados e coloridos galináceos que só não ruminavam o relvado porque este era sintético.
O jogo não estava quezilento, nem tão pouco lento, estava quase parado. Se a velhice é isto mais vale ir para o parque apalpar o rabo às velhas. Mas que tristeza de jogo, que falta de qualidade. A determinada altura, quando um dos jogad…. elementos que constituía uma das equipas estava a aquecer, durante longos minutos, ouviu-se a tal voz bem colocada: “ó urso estás a aquecer ou a esturricar?”.
A toada atacante dos jogadores das duas equipas só foi evidente antes do jogo quando se atiraram às “mínis”, no tasco da zona, como prostitutas a toalhetes com cheirinho. Nos minutos que entremearam este período e o jantar, só valeu a pena ver uma rapariga dos seus cinquenta e muitos anos a fazer marcha com as suas ondulantes nalgas a dar ritmo ao exercício.

Do jogo estamos conversados, porque não vale mesmo a pena falar de miséria quando a situação do país está como está. Orientemo-nos para a terceira parte: o repasto de leitão e cabidela.
Primeiro que o verdadeiro motivo de tão propalado encontro começasse foi preciso reviver com entusiasmo contido o historial da colectividade que nos recebia com verdadeira simpatia. O mesmo não se podia dizer do comensal que fazia a honras da casa. Mas que indivíduo mais chatinho! Ele era, “estão a ver as minhas fotos?”, “este sou eu a fazer uma melee”, “olha eu aqui no torneio de freixo-de-espada-às-costas”. Irra! Contudo o que verdadeiramente impressionou foi o que se passou a seguir.
Em pouco mais de meia hora, dezoito gandulos devoraram uma enorme tachada de cabidela e dois leitões. Pareciam piranhas no cio a comer os tomates e o próprio boi.

Concluindo, vão comer para o raio que os parta! Quando for frango não peçam à unidade, encomendem antes à capoeira. Ònix!

Julho 26, 2010 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , , , | Deixe um comentário

Vendo relva dos campeões

Estou a vender aos fregueses dois palmos de palha, perdão relva, do estádio dos campeões. Dois aéreos cada sacada ou dúzia de “pés” sabendo que ali já pisaram e escarraram os campeões. Veja o catálogo abaixo:

Também vendo garrafinhas de sulfato.

(fica lindo no vidro de trás do carro ou automóvel ou no pára-mamas da janela da cozinha)

Maio 22, 2010 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , , , | Deixe um comentário

Gaudêncio está de volta

Apesar da longa ausência, o meu espírito esteve sempre na companhia da liga mais competitiva da zona de Mur. Como dizia o filósofo, que não me lembro o nome: “A vida é o espaço de tempo compreendido entre o nascimento e a morte“. Apesar de dizerem que há vida para além da morte, o que é difícil porque assim não havia espaço para tanta gente. Mas se estamos a falar daquilo que os bichinhos comem depois das pessoas irem para a terra, então podemos dizer que cada uma das pessoas que já morreu está no organismo desses bichinhos. Por isso estão todos espalhados por aí, uns na mesma terra em que morreram porque os bichos ainda lá devem estar, e outros, por locais mais longe se os bichinhos forem larvas e estas se transformarem em borboletas e estas voarem para longe. Mas vocês podem perguntar então sobre os bichos que morrem? Neste caso há outros bichos que comem os bichos que já morreram e que já comeram as pessoas que já morreram e por isso é que se chama o ciclo da vida e por isso também se fala em vida para além da morte.
Pode haver outros ciclos. Por exemplo, quando eu era pequenino, tinha caixa com bichinhos-da-seda que já deviam ter comido pessoas mortas que estavam “encavadas” na terra. Ora, um dia veio um gato e comeu esses animais e também as folhas que eu tinha apanhado de uma árvore lá ao pé de casa e que já tinha muitos anos e que ainda não tinha morrido porque as árvores demoram a morrer a não ser que a gente as corte. Mas dizia eu, aqui o gato comeu as pessoas em 2º grau e o ciclo da vida passa pela vida do gato, e do cão, se o cão comer o gato e assim “sucessívelmente“.
É por isso que eu gosto do futebol.


Janeiro 14, 2010 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | | Deixe um comentário

Gaudêncio regressa depois de umas luxuriantes férias

«Olá a todos os “futebantes”, amantes do futebol, ou também pode ser “amabolistas”, conforme a gente queiramos ou não.
Como podem ver pela imagem, estive de férias numa ilha do pacífico, que é para lá do Brasil e por isso é que estou a modos que um pouco “fusco”. Não é sujo, porque o quarto que a varina me alugou era bem limpo e muito barato. Segundo sussurrou ela ao meu ouvido, estava a fazer um desconto especial por ser para mim, uma pessoa famosa do mundo da bola.
Mas vamos ao que interessa. Segundo o que li no jornal do café lá das férias, daqueles que estão agarrados a um pau de madeira, parece que o Benfica ganhou 4-0, o Sporting está em franca recuperação, o Porto lá vai na vidinha deles e o Braga ficou a saber que a distância do ar ao chão é de apenas um trambolhão.
Mais importante que a liga alcoólica (Sagres, piada cheia de graça) temos a não menos tumultuosa liga Mur. Os “grandes treinadores” a chuparem ao máximo pela teta da “vaca Tacuara” (quase sagrada), antes que ela seque. E o resto da classe “dirigento-desportiva” a tentar chupar em tudo o que é mama seca, para ver se cai algum pingo.
Eu tenho para mim que, ou muito me engano ou, ainda vamos ver o Tacuara a fazer muitos “aiquetriques“.
Para finalizar, chamo a vossa atenção para a recuperação do moço da Bairrada que já subiu mais que um lugar na tabela classificativa, ou na classificação da tabela, como vós queríeis que se diga. Ele apesar de fraquito tem sorte ao jogo e parece que também é como a mim, sempre com as gajas à sua beira. Parecem “barejeiras” à volta do dejecto.
E é tudo, abraços e cumprimentos à homem

Dezembro 9, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , | Deixe um comentário

Reportagem de Gaudêncio – Portugal x Bósnia, 1 – 0

Estive ontem no estádio mais um tio meu, por afinidade, por que é casado com uma tia minha que é irmã da minha mãe. Ele veio de França e estivemos ambos os dois a ver o jogo da selecção ao vivo e a cores. Bem não propriamente ao vivo, por que à última da hora o rapaz que nos ia arranjar os bilhetes teve um acidente de mota e está todo partido no hospital. Mas isso não impediu que fossemos à colectividade “O ninho dos milhafres” ver o jogo no écran gigante que eles lá têm. É uma Salora com uma protecção de plástico a cores muita gira, com 83 cm de diagonal, pena é que com o vento que esteve ontem a antena andava sempre às voltas. Só à terceira rajada é voltávamos a ter imagem até à rajada seguinte, que voltava a dar cabo da mesma.
De qualquer forma, posso dizer que vi o jogo quase todo, por que um rapaz da colectividade que é bombeiro esteve lá e contou-me hoje tudo, quando tomávamos o café, encaixava-se mais ou menos nas partes que não vi.

Primeiros, o Pepe é muito alto e corta muitas bolas. O Nani é melhor com um pé que com outro. O Coentrão é muito rápido e é loiro, parece escandinavo, joga pouco e ainda bem. O Queiroz está sempre a mascar, parece uma vaca a comer erva. O Nuno Gomes não joga. Melhor de tudo foi o público.
Entretanto não disse mais nada, por que foi chamado para uma emergência.

Novembro 15, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , , | Deixe um comentário

Crónica Semanal de Gaudêncio – “Comunicação”

http://www.oclubedoschatos.org.com.net

Room  #25 – “Trintonas no cio”

#Gaudi is online
#Gaudi – Muito boa noite a todos os presentes nesta sala de amizade e convivio salutar entre o presentes. Espero ter uma noite muito bem passada.
Enfiamus – Vai apnhar na peida ó tarolo
Furatudo – Olha um enfeitado… a cagadeira não é aki meu
#Gaudi – É desnecessária essa linguagem.
Enfiamos – keres kê kom a lingua?
kikinhas – Olá Gaudi tudo bem
#Gaudi – Olá kikinhas, tudo bem, muito obrigado. Donde estás a teclar kikinhas
kikinhas – de oliveira de azemeles
#Gaudi – Eu sou de albufeira
Enfiamos – kal delas ó palerma
nócas – Komo é ke és Gaudi
#Gaudi – Sou loiro de olhos azuis.
Furatudo – O meu tb é loiro e azul e comprido, cara de cu
kikinhas – kazado?
#Gaudi – Divorciado.
quiduxa – keke fazez?
#Gaudi – Sou escritor de romances.
Furatudo –  toutaver, deves escrever nas portas dos wc
kikinhas – workas em caza? é grande?
#Gaudi – Sim, tenho uma vivenda com piscina e campo de ténis.
Furatudo – E um das caldas á entrada ligado ao mangualho do jardim
quiduxa – puxa és xeio da nota
#Gaudi – Lole, sim tenho algum dinheiro. Sabem, vendo muitos livros, lole.
Enfiamos – Compra uma de plástcico e uma bomba e enfia tudo no cu
#Gaudi – Vou ter que me ausentar devido ao facto deste local estar a tornar-se muito incoveniente e ter que escrever uma crónica. Uma boa noite e obrigado.
#Gaudi is offline

«Isto foi tudo editado? Ou valha-me Santa Ingrácia! O que vou escrever agora?»

Novembro 11, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | | 1 Comentário

Crónica Semanal de Gaudêncio – “O apocalipse da trovoada”

E já dizia a minha avó «Quem com ferros mata, espeto de pau» e é o que se pode dizer desta ronda.
Anunciava-se um conjunto de jogos difíceis para os intervenientes da Liga Mur, e tal veio a acontecer como efectivamente se comprovou ter acontecido na realidade, da vivência do dia-a-dia manifestada factualmente caso prova em contrário ou inversamente.
Os primeiros são mais primeiros, os do meio são mais do meio e o do fim é um amigo que como pessoa deve ser, como se diz na gíria, ou calão (ele não é calão), cinco estrelas, mas em matéria de futebol é mais cinco calhaus, ou planetas, ou asteróides
A propósito de asteróides, esta semana o astro maior do SLB mostrou que caso não dê para mais (que é o mais provável), há sempre uma esperança no “Wrestling” que é aquele desporto onde os homens se engalfinham uns nos outros mas sem sexo.
Mas há mais asteróides. Posso começar pelo senhor presidente do SLB, que apesar de entrarem em falência técnica, já está a prometer mais reforços para o inverno. Acho que devia juntar dinheiro para os impostos, “Quem amigo é, lhe avisa um conselho”.
Outro asteróide é o senhor Bento. Isto é que o homem se agarra com unhas, dentes, braços, pernas e sei lá mais o quê, ao lugar. Eu já pensei em escrever-lhe, até comecei uma carta da seguinte maneira:

Caro colega Bento,
Você não deve recordar-se de mim mas estive sentado ao seu lado no curso de Mecânico de Pitões de Chuteiras promovido pelo sindicato dos Auxiliares de Lavandaria de Equipamentos de Desporto. Estou a escrever-lhe para dizer que não estou a gostar do que está a fazer ao Sporting e ao senhor Barbosa e à família sportinguista, que são muitos e mais que os moradores lá do bairro deles.
Se você não for embora, os clubes não vão querer contratá-lo mais por que pensam que você pensa ficar lá para toda a vida. São muitos anos, amigo….

Depois desisti, ao fim e ao cabo somos colegas.
Havia muito mais para dizer, por exemplo, relacionar o título “O apocalipse da trovoada” com o texto, ou explicar o seu sentido, mas está difícil. Concluindo, “enquanto há vida não há morte”.

Novembro 4, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , | Deixe um comentário

A uma hora…

… de ir pedir pelos finados.

bolinho-zumbi

Outubro 31, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | | Deixe um comentário

Crónica Semanal do mestre Gaudêncio, ou “As escolhas do Gaudêncio”

«Com quatro dedos apenas se escreve a palavra mãe, e é das palavras pequenas a que com quatro dedos apenas, se escreve a palavra mãe», este provérbio é da minha autoria.
Isto para dizer que se o Sr. Jesus mostrou quatro dedos quando marcou quatro golos, devia ter mostrado seis dedos quando marcou o sexto. Por sua vez, o Sr. Machado devia ter mostrado um dedo ao Sr. Jesus. E assim é que era bonito, e até evitavam de andar com as placas dos minutos, que são enormes e devem desgraçar as costas dos auxiliares, e passavam a ser os treinadores com os dedos a dar toda essa panóplia de indicações.

Uma sisma deste últimos dias é a questão das cláusulas de rescisão e qual o objectivo das mesmas. Antigamente, para um jogador se transferir de clube bastava uma palavrinha entre dirigentes e o rapaz , desculpem-me a expressão, “estava a andar de carrinho”. Agora, é aos milhões, e mais cláusulas, e mais documentos, como se alguma vez  nesta vida e nas próximas, alguém desse 30 milhões de euros por um jogador como o tal Coentrão. Apesar dos coentros não estarem nada baratos, tendo já optado por diversas vezes pela salsa.

Por último, até por que para o que recebo já estou a oferecer uma boa dúzia de palavras, temos a questão da Liga M de Mur…. Como é que numa sociedade moderna, civilizada, com elevada tecnologia, e em franca expansão, se pode cometer o erro crasso de emitir informações de classificações todas deturpadas? Como é que tal pode acontecer? Sugiro ao presidente da Liga que abra imediatamente um inquérito para apurar responsabilidades, sobretudo porque há já quem tenha pago a Taxa Semanal de Incompetência Futebolística  (a TaSIFu, não confundir com Tamiflu) e, segundo se ouve “à boca cheia”, há já quem tenha bebido uns cafés à conta.

Outubro 28, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | | Deixe um comentário

Gaudêncio adverte

«Promptius est omnibus judicare quam facere.»

(Querem ver que o homem marrou com os cornos nalgum lado!)

Outubro 27, 2009 Posted by | A Gerência, Gaudêncio Nes Pereira | | Deixe um comentário

Gaudêncio adverte

«Dá Deus golos a quem não tem pés… ou cabeça, ou mãos se for o caso do Maradona!»

Outubro 26, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | | 2 comentários

Gaudêncio adverte

«O presidente do Traumático FC vai levar esta semana uma “chumbada” tão grande naquele traseiro gordo, que não volta tão cedo a gozar com os adversários !»

Outubro 25, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , | 1 Comentário

Gaudêncio adverte

gaudêncio
«Bebam sempre leite antes de deitar, para serem uns bons desportistas!»

Outubro 23, 2009 Posted by | Gaudêncio Nes Pereira | , | 1 Comentário